sexta-feira, 18 de novembro de 2011

ventos em mim.



Ver um tempo que passa tão rápido
a paz que vem da alma
mutável e transparente..
Um jardim semeado
germinando sentimento
em terra receptiva..
Vento discreto que  
incontido
transforma meus cabelos
meus olhos..
Te introduzes entre sentidos
meus e teus
com a maestria de mares
infinitos..
Deleito-me no som
transformo-me no olhar
e deixo-me levar
ampla 
na imensidão
do teu querer..

Ing

39 comentários:

Artes e escritas disse...

Que venha a verdade que a todos purifica no amor de Deus. Um abraço, Yayá.

Incógnita disse...

sempre fantástico :)

Sonhadora disse...

Minha querida

Lindo como sempre...que esse amor seja eterno e pleno.

Deixo um beijinho e desejo-te um fim de semana cheio de paz e amor.

Sonhadora

✿ chica disse...

Um vento traZENDO AMOR É LINDO...BEIJOS,CHICA E LINDO FDS!

Rô... disse...

oi Ing,

você é sempre doce ao
escrever,
me encanta cada verso seu...
e que o amor seja eterno e sublime...

beijinhos

Severa Cabral(escritora) disse...

Bom dia minha linda menina!
Na maestria dos mares tuas palavras são infinitas...
Bjsssssssssss

Zil disse...

linda poesia...calma...serena...terna..em paz...

bjo grande!


Zil

Jorge Pimenta disse...

por mais rápido que se anuncie, faça-se infinito nas vivências.
beijinho, querida ingrid!

Assis Freitas disse...

este vento que sempre nos acha, e nos afaga na fronte



beijo

Maria disse...

Lindissimo, um vento que traz amor.
Amiga, hoje deixei no meu cantinho um obrigado aos Amigos. É um miminho simples mas feito com carinho para agradecer a companhia na estrada da vida e porque seu cantinho é ESPECIAL, um espaço onde a poesia toca a alma de quem lê.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

Evanir disse...

Agradeço de coração sua visita
perdoe o atraso em retribuir seu carinho
que tanto bem me faz.
Logo terei boas novas se Deus quiser
creio que você ficara feliz como
estou .
Quero avisar quando tudo estiver tudo pronto
espero muito breve poder deixar postado minha alegria no blog.
Na vida não temos somente tristeza derrepente esquecemos
tudo Deus nos faz sorrir novamente.
Um abraço bjs no coração.
Um feliz e abençoado Domingo.
Evanir

ONG ALERTA disse...

Vento sopra a verdade...beijo Lisette.

Severa Cabral(escritora) disse...

Bom domingo querida!
Passando para te convidar a passar no blog do meu amigo Daniel para ver o dueto que ele me botou,kkkkkkkkk

http://encontroslusobrasileiros.blogspot.com

Meire Oliveira disse...

Minha Ing linda, esse é o vento do bem querer, do amor, que só traz coisas deliciosas. Amiga, que o vento sempre sopre delícias pra ti. Te amo muuuito!!!

beijokitas recheadas de carinho :)

Bixudipé disse...

O vento de tua poesia me fez sentir a paz que ela diz...

Adorei! Abração,

Rodrigo Davel

O Profeta disse...

Uma cama amarrotada pela passagem do amor
Lençóis que aprisionam o calor
Suspiros espalhados pelo chão
Uma imagem santificada sustenta o louvor

Uma pecadora ungida pela chuva
A sorte e a morte em bravata eterna
As ave marias que uma boca vomita
Para no céu ser, clemente a sua pena

Já não há xailes negros na ilha
Já ninguém liga a agoiros
O mar continua açoitar a costa
Deixando despojos, tesouros

Bom domingo

Terno beijo

Nilson Barcelli disse...

O tempo passa mesmo rápido... temos que o aproveitar antes que ele se esgote...
Belo poema, gostei.
Querida amiga Ingrid, tem um bom resto de domingo e uma boa semana.
Beijos.

Vivian disse...

...ai me lembrei dos
ventos que balançam as
palhas do coqueiro.

ventos que agitam as
ondas do mar.

ventos que assanham os
cabelos da mulata.

me trás notícias de lá...

lálálálárilárá...rsrs

bjs nesta alma lindamente
poética!

muahhhhhhhhhhhhh

Cidinha disse...

Olá Ingrid. Lindo amiga esse vento que tráz amor, que é mutável e transparente, um jardim de sentimento. Belo Ingrid! Bjos perfumados e obrigada pela carinhosa visita. òtima semana!

Domartello disse...

Voce é um mar de sentimentos...
O teu coração é forte por aprender pela vida ,é grande e lindo,bate forte ao reviver os momentos e te fazem uma saudade boa...
Um abraço.
Carlos.

retrato... disse...

é...

há sons e olhares, tão gostosos...
eles refletem os nossos sentires que tanto queremos eternizados.

bj...nho

Ma Ferreira disse...

Oi Ing Linda!!
Amei teu poema...
Que os ventos te abasteça com tudo que vc merece!!
Beijo

ॐ Shirley ॐ disse...

O tempo passa rápido, mas, o amor há de ficar... Beijo no coração, Ingrid!

♥♥♥Ani♥♥♥ disse...

Oi Ingrid querida


Que poema mais lindo...
"Deixo-me levar ampla na imensidão do teu querer"

Nossa que segurança esse amor passa...

Simplesmente maravilhoso.

Peço desculpas pela ausência nos seus comentários, mas sempre estou por aqui a ler-te, é que ando numa correria só...

Beijos e uma semana linda
Ani

Van disse...

Um querer que amplia...

esse é dos bons

Beijos Ingrid

Sotnas disse...

Olá Ingrid, que tudo permaneça bem contigo!

Como em todas minhas passagens por cá, me encantei com este teu escrito, com este teu estilo transbordante de sensibilidade fazer transparecer nas palavras escritas teus belos e nobres sentimentos como neste belo poema, um amor trazido e levado ao sabor do vento, belíssimo, perfeito!
E também gostei desta imagem, esvoaçante e bem em sintonia com o escrito. Mas por cá tem sido sempre assim, belos poemas e lindas imagens, uma perfeita sintonia em tuas escolhas, de escritos e imagens, sempre encantadoras tuas postagens neste teu agradável espaço!
E agradecido por tuas sempre tão gentis visitas e comentários eu desejo a você e todos ao teu redor um intenso e feliz viver, abraços e até mais!

Vais disse...

Olá, Ingrid

"Que possamos sempre ter a vida perfumada com palavras doces e suaves.."

Amém, moça!

e como por magia exala um cheiro bom

muita sensibilidade e sensualidade nestes versos que os ventos levam e trazem

paz e flores pra você

**** grata pelo beijo lá no mileum do Assis, beijo pra você também****

Severa Cabral(escritora) disse...

vim só dar um beijo de boa noite...fica na paz...

Antônio Lídio Gomes disse...

Ingrid...
Que venham estes ventos, que afaguem nossos cabelos, mas não só nossos cabelos, mas nossa alma também!
Beijo grande um abraço.

OceanoAzul.Sonhos disse...

Neste tempo que passa rápido, deixemos que os jardins, a natureza, o amor nos toque e ilumine nossos corações.

Lindo poema minha amiga
beijinho
oa.s

José María Souza Costa disse...

Eu vim ler o seu blogue. Agradavel e fenomenal.
Felicidades, sempre

Vanessa Souza Moraes disse...

Bom deixar-se levar...

BlueShell disse...

...e eu me deleito na leitura de mais um dos teus belos poemas...parabéns.
BShell

LUCIENE RROQUES disse...

Ingrid, obrigada pela presença. Linda poesia, lirica, o sentimento é a prova da nossa pouca capacidade de Ser. Parabéns.
Um grande abraço!

LUCIENE RROQUES disse...
Ingrid, agradeço. Desculpe a falta de tempo.
Um grande abraço!

24 de novembro de 2011 16:04

Fátima disse...

Oi Ing,

Senti...entrega, verdade.
Que bons sejam os ventos.
Tuas palavras estão lindas!

Beijo meu

Sonhadora disse...

Minha querida

Passando para deixar um beijinho e desejar um fim de semana cheio de paz e amor.

Sonhadora

Tânia Gama disse...

Que poema lindo! Um amor que vem e vai ao
pulsar do vento, verdadeira música que sai
da alma, fazendo-nos sentir emoções. Parabéns! Fique na Paz!
TâniaGama

Letícia Alves disse...

Semeando e colhendo felicidades!
Um beijo!

Maria Luisa Adães disse...

Ing

Estou em Sampa há mais de um mês.

Tenho muita dificuldade em vos contactar, mas vou escrevendo umas coisas.

Estive bastante doente já no Brasil

Como sempre, seus poemas e sua doçura me encantam.

Eu não esqueci nada nem ninguém,
mas a saúde me traiu!

A espero e vou continuar nesta Cidade por mais tempo.
A tento defenir num poema que escrevi, mas o contacto convosco
é muito complexo.

Um abraço,

M. Luísa