sábado, 12 de março de 2011

letras vivas.


Internet

Te senti tão próximo
podia respirar tua pele
sentir teu desejo..
Na noite cúmplice
tuas mãos invadiam
meus poros
minha alma..
É como refazer o verso
reviver um amanhecimento
sem cerimonia me tomar..
É como não querer
o eterno
e ir mais além..
Escrevo ansiedades
descrevo desejos
soletro gemidos..
E me sinto..
Vivendo o divino
sendo amada e atada
a um sonho inquieto
de onde desperto
em gota transparente..

e me deixo dissolver!

Ing

37 comentários:

Letícia disse...

Lindas palavras como sempre, e elas só são possíveis quando se vive. E sei que você as vive, fico feliz por isso.

"Te senti tão próximo
podia respirar tua pele
sentir teu desejo.."

Sentir-se próximo mesmo em pensamento mostra a sintonia e a entrega plena a um amor absoluto.

Beijos, lindos olhos! ;-)

Van disse...

Sábia e linda Ingrid, escrever é viver o divino sim

Beijos!

Ingrid disse...

linda tempestade..
se tudo fosse assim..
beijos querida

Ingrid disse...

Van amada,
escrever para mim hoje, é quase minha vida..
beijos..

Sandra disse...

Tuas palavras são de facto bálsamo para a alma: doces e perfumadas.
Beijo

Suzana Martins disse...

Lindas e perfeitas palavras.
Versos intensos que escrevem desejos que são gemidos pelos verbos de um soneto!

Beijos querida!

Ingrid disse...

obrigada Sandra, pelo carinho..
beijos

Ingrid disse...

obrigada pela visita Suzana,
beijos e bom findi.

retrato disse...

Ingrid,
sinto a necessidade, agradecendo a luz que dás com a tua visita ao meu blogue, de te dizer que estou limitado, pela saúde, em, apenas, manter o meu blogue actualizado, e embora te visite e leia, não comento, como, também, a todos os outros amigos bloguistas.

bj...nho

Shirley disse...

Querida, seus poemas nos fazem divagar pelos sonhos...

chica disse...

Muito linda,Grande inspiração!beijos,ótimo domingo,chica

Ingrid disse...

obrigada pelo carinho "retrato"..
que te recuperes logo..
beijos..

Ingrid disse...

Shirley,
são teus olhos que os leem assim..
beijos querida

Ingrid disse...

Chica,
beijinhos.. perfumados..

Poeta del Cielo disse...

pureca y emocao pura cada letras un desborde gigantezco de alma y sentimiento en suas letras minha querida amiga ... parabens Ingrid...

saludos
otima semana
abracos de coracao

Borboleteando disse...

A forma que escreve me leva a outro lugar, a sonhar...
*-* Beijos, lindo domingo

Moita disse...

Mininos!

Olha aí a Cecília Meireles de volta. rss

Espetacular, Ingrid.

1 Cheiro

Nilson Barcelli disse...

Ingrid, mesmo de sonhos, a noite pode ser de sonho...
O teu poema é brilhante e sensual, gostei imenso.
Querida amiga, bom Domingo e boa semana.
Beijos.

Assis Freitas disse...

intensa caligrafia,


beijo

R.B.Côvo disse...

Gosto do que você escreve. Tão simples quanto isso. Abraço, Ingrid.

Maria Marluce disse...

Leveza e sensualidade. Lindos versos.

Jorge Pimenta disse...

a eternidade bem para além do desejo de se ser eterno. só pela transparência que, em ascese, nos consegue renovar - eis a força dos afectos.
um beijinho, querida ingrid!

Ingrid disse...

Poeta querido,
obrigada e boa semana ati também..
beijo

Ingrid disse...

que bom linda borboleta que te faço voar mais e além..
beijinhos.

Ingrid disse...

Moita, só tu mesmo..
mas obrigada assim mesmo.. nem de longe perto dela..
beijo e cheiro.

Ingrid disse...

Nilson amigo amado,
sonhos,desejos.. parte do meu insano infinito..
beijos..

Ingrid disse...

beijo querido poeta Assis..
obrigada pelo carinho de sempre..

Ingrid disse...

obrigada mais uma vez Côvo..
e vou lá ler o capítulo de hoje... ansiosa pelo caminho...
beijos.

Ingrid disse...

linda Marluce,
beijos perfumados..

Ingrid disse...

Jorge,
a eternidade em nós e por nós...
beijos amigo querido..

LuH disse...

Querida Ingrid,

acredito que quem já amou ou ama pode sentir, ao ler sua linda obra, cada emoção qui ressaltada...

Delicadíssima obra, amiga!

Me fez cosquinhas no coração, senti saudades de amor...

E continuo aqui amada e atada por vontade própria

Bjaumm

Ingrid disse...

LuH querida,
feliz sempre com tua presnça..
obrigada.
beijos

mARa disse...

Menina LInda, tão bom ler esses versos...o amor, ah! que seria dos poetas se não fosse o Amor, correspondido ou não, lembrado sempre, nunca esquecido...

bjo!

Dilberto L. Rosa disse...

Dissolva-se e se refaça Poesia, minha cara Ingrid (olá de novo!): teus desejos, sussurrados ou gritados (como em "cacos de pecado"), continuam lindos (ainda mais com este pungente fundo sonoro)! Abração!

Evanir disse...

Querida amiga hoje Dia Mundial da Poesia ..
Convido você a ler a homenagem feita
no meu blog a todos os poetas,
Um lindo dia beijos,Evanir.

http://aviagem1.blogspot.com/

Sandra Botelho disse...

Lind poesia amiga.Parabens por tão linda inspiração.
beijos achocolatados

José Sousa disse...

Querida Ingrid!
Eu adoro ler os teus poemas, só sinto uma coisa errada, me desculpa, é o facto de vc estar fazendo respostas aos que a lêm, em teu próprio blog, quando, afinal não tem tempo para ir comentar nos nossos! Descula tà!? Não leves a mal, foi só um reparo porque sinto tua falta lá nos meus espaços!

Um grande beijo.