sábado, 6 de agosto de 2011

dentro da noite.

Internet

Esperei nos meus sonhos
procurei o momento inexistente
insisti na lembrança..

Para que morrer no amanhã
se não te sinto por perto..

Posso inventar um querer
desfolhado em venturas
na eternidade do gesto..

O meu amor me perfuma
me machuca e fecha meus olhos..

Te peço a ilusão
do sangue quente da madrugada
que alimenta e marca..

Não demores no caminho
do corpo que pede teu calor..

Ing

26 comentários:

A.S. disse...

Não apagues a luz para que atine com a tua direcção...


Beijos,
AL

Borboleteando disse...

Chuva de corações em sua vida!!! *.*.♥.*♥*.*.♥.*.* *.*.♥.*♥*♥.*.♥.*.*♥ *.♥*.♥.*♥*.*.♥.*.*♥ *.*.♥.**

Beijos, maravilhoso fim de semana

Sandra Botelho disse...

No perfume de tuas palavras a busca incessante de um amor, que a vida ainda silencia.
Bjos achocolatados

cidinha disse...

Olá, amiga!Lindo!A ilusão que alimenta e marca, o sonho, a espera é parte do amor...Tenha um fim de semana perfumado com amor e alegria!!! Beijos com carinho.

Will disse...

Que fascínio de querer percebo todas as vezes que por aqui venho...
Contagia-me com teus belos versos, que são parte de ti ofertada a quem te lê.
Ótimo final de sábado para você!

Letícia disse...

Que o calor chegue e fique...


Beijos!

Rô... disse...

oi Ing,

que esse calor que arde
por dentro permaneça
trazendo essa chama do amor,
e fazendo disso a sua inspiração...

lindo,querida
beijinhos

Incógnita disse...

mesmo bonito =) gostei muito

N. Barcelli disse...

Belíssimo poema de amor.
Gostei imenso.
Beijo, querida amiga Ingrid.

Nina Pilar disse...

saborear perfumes e inalar perfumes, embriagar-se de tanta emoção, que só o amor pode provocar!
belíssimo poema minha querida

uma lindissima noite pra ti...

Zil Mar disse...

que chegue logo esse amor...que queima...perfuma...que alimenta e marca...tem um corpo ardente...desejando amor...

que bela sua poesia...fico encantada...demais!


meu carinho...

Zil

Antônio Lídio Gomes disse...

Ingrid,
Teus versos contagiam sim, e envolvem.
São alma pura e calor do teu coração.
Um abraço do teu leitor, beijos.

Bemsei disse...

A espera, a dor da demora...a incerteza: bela, esta poesia.
Beijo

ॐ Shirley ॐ disse...

Que a madrugada continue alimentando os seus poemas. Um beijo, querida amiga!

Folhetim Cultural disse...

Olá sou Magno Oliveira responsável pelo Blog Folhetim Cultural, convido lhe hoje a conhecer o nosso blog, que tem além de notícias, tem também atrações culturais. Como poesia, contos, crônicas e muito mais...
Conto com sua visita no nosso espaço.

Blog: informativofolhetimcultural.blogpost.com
E-mail: folhetimcultural@hotmail.com
Twitter: @folhetimcultura e @oliveirasmagno

Assis Freitas disse...

no caminho do corpo há a chama que incendeia e acalenta,

beijo querida

Sonhadora disse...

Minha querida

Como sempre escreves com os dedos da alma e com a pena dos sonhos.
adorei e deixo o meu beijinho com carinho.

Rosa

Lena disse...

Lindo, minha linda Ingrid, que coloca sempre o amor e a paixão de uma forma tão tocante nesses seus poemas. Sensibilidade que nos toca devagarinho, mas que fica, que nem essência boa de perfume de qualidade. É assim a sua obra. Bjs minha queriga amiga!

BlueShell disse...

Que bela poesia! palavras repletas de sentimento e de querer.
Um beijo
BShell

Valter Montani disse...

Ingrid

Que bom começar a semana visitando seu recanto e lendo mais um texto delicioso, bjs e sucesso!

Borboleteando disse...

Passando para lhe desejar uma ótima seamana...Que tudo de bom lhe aconteça..
Beijos

Solange Maia disse...

o amor descrito lindamente em tuas palavras...

adorei !
beijinho

Van disse...

Will disse tão bem Ingrid, ofertas parte de você mesmo em teus belos escritos.

Beijos!

José Sousa disse...

Oi querida amiga Ingrid!
Estive um pouco distante por motivos de umas férias na terra natal.
Agora regessei e me dou com linds poemas teus, como sempre, sensuais!
Minha mãe está bem! Muito obrigado pelo carnho!
Adoro-te!

Um beijo em sua alma.

Severa Cabral(escritora) disse...

Minha doce e carinhosa menina!
Uauuu!gosto sim de me dissolver nas tuas escritas...delícia!!!!!
Bjssssssssssssssssssss

Dayse Sene disse...

Quando a solidão nos invade, principalmente numa noite fria, o corpo clama e pede pressa, na chegada de um amor, que possa aquecê-lo.
Adorei o seu final" Não demores no caminho do corpo que pede o seu calor..."
Saudades de você menina sorriso.
Deixo-lhe desejos de uma linda noite, com sonhos inesquecíveis.
Abraços.