sábado, 11 de dezembro de 2010

no tempo da intensidade.



Internet blog da libélula


Intensidade..
palavra  usada e abusada
ouvida e aturdida!

É intensa no que diz
no que se faz
no amar e no desejar
no falar e letrar

É intenso o momento
que se faz
que se ama e se deseja
que se fala e grita

Palavra desculpada
escarrada
não sentida
e bem ouvida

Intensidade..
de momentos vividos
e vácuos formados!

Intensidade e tempo..

Ing

22 comentários:

José Sousa disse...

Querida Ingrid!
Você é dnada...rsrs. Nem me deixou respirar. Logo, logo, que acabei de postar meu poema vc está-va lá para comentar. Mas isso me deixa super feliz. Quando vc diz "É intensa no que diz
no que se faz
no amar e no desejar".
Amar, é mesmo co mintensidade, só assim é saudável.

Beijão e um bo Domingo.

Assis Freitas disse...

intensidade e plenitude,


beijo

Chica disse...

Maravilhosa e bem inspirada poesia,Ingrid.beijos,lindo domingo,chica

Costurando-Marias disse...

Parabéns pelo belo blog. Viva a poesia...
Grata pela visita em meu cantinho.
Bjos e abraços
Soninha

Shirley disse...

Intensidade é o que sinto em seus lindos poemas.Ingrid,um beijo!

Cristiane disse...

Amora, intensidade e tempo... Resumiste tudo!Rs Falta tempo para quem vive intensamente e sobra o mesmo quando não se tem intensidade no viver. Mas tudo ao seu tempo! :))

JB disse...

A intensidade dos momentos não tem tempo? Ou cinge-se ao tempo que duram? Ou são tão intensos que percorrem a vida para lá do tempo?... Uma excelente reflexão...
Que a vida seja intemporalmente intensa...

Gostei, Ingrid!

Beijinho

Ingrid disse...

José,
obrigada pela visita querido amigo.. sempre visitando tuas palavras!
beijo e ótimo domingo para ti também..

Ingrid disse...

Assis poeta maior,
assim deve a vida ser vivida!
beijo.

Ingrid disse...

Querida Chicam,
há que viver e viver!
grande beijo ..

Ingrid disse...

Soninha,
sempre passando por lá para ver as novidades..
beijos.

Ingrid disse...

Shirley querida,
vivo itensamente tudo o que amo..
beijo no coração.

Ingrid disse...

É isso aí Cris,
o tempo se faz quando se quer viver intensamente..
beijinhos amada!

Ingrid disse...

JB,
a intensidade do momento vivido não deixa ou permite que se judtifique o vácuo que fica para um tempo a viver!..
beijos carinhosos.

Lua Nova disse...

A intensidade é faca de dois gumes: o tempo voa quando estamos intensamente felizes... mas se arrasta dolorosamente quando estamos intensamente feridos.
Vc é intensa, minha linda, vê-se isso nos seus olhos e sorriso intensamente vivos e belos.
Beijokas e uma linda e saborosa semana pra vc.

Iana disse...

Amada amiga...

Mas uma vez descupa a ausencia :(

Agradeço imenso seu regar sempre em meu jardim em flor...Grata doce amiga...

Amei o poema, mas, essa parte é maravilhosa: "
É intensa no que diz
no que se faz
no amar e no desejar
no falar e letrar"

Beijos doces da rosa amiga que flores deixa
Iana!!!

Ingrid disse...

Lua querida,
obrigada pela visita que deixa feliz,e pelas palavras..
Beijo no coração..

Ingrid disse...

Iana,
a presença vive no coração..
em amor ..
beijo carinhoso..

A.S. disse...

Ing,

É sempre intenso o que os olhos fechados sentem para além do que poderiam ver se estivessesm abertos, vivem o que a alma absorve, voam para lá das sensações e excitam-se com se fossem mãos que tocam a pele oculta.


Beijos!
AL

Ingrid disse...

Querido AL,
palavras que tocam fundo a alma..
beijo e feliz por te ver aqui.

El Brujo disse...

Te ler me faz bem... cada vez mais fã!

Ingrid disse...

Que bom Brujo...
beijo.