domingo, 24 de outubro de 2010

rimar.


Voar para teus braços
querendo ali estar!
se eu pudesse mudar..
na vida que segue
me entrego sem pensar!..
em algum lugar
meus sonhos se deixaram ficar
sem ao menos me avisar!..
mas fui lá pegar!..
E assim eu sigo sem pesar
na alegria de amar..
Vem e me leva!..
me faz para tanto rimar!..

Ing

8 comentários:

Assis Freitas disse...

o que se insinua no verso sinuoso da rima,


beijo

Vanessa G. Vieira disse...

Leve como o vento. 'Voar para os teus braços...' 'Se eu pudesse ali estar...' E essa música tocando ali em baixo! Belissimo conjunto! Abraço.

Ingrid disse...

Obrigada pela visita Vanessa.
Se pudésemos voar.....junto com o sonhar!
Beijo.

Ingrid disse...

Assis,rimas e vida..
beijo.

Alberto Marques disse...

Andei lendo o blog e fiquei com a sensação de ausência de algo. Falta algo ou, quem sabe, abunda. Não sei, não há certeza em minhas palavras, só pequenos fragmentos de impressões.

Ingrid disse...

Agradeço sua visita Alberto.
Sabes que hora há a ausencia,hora a abundancia..
Abraço.

Vieira Calado disse...

Minha 1ª visita.

Gostei do que li,

vi

e ouvi!

Beijinho

Ingrid disse...

Obrigada Calado.Vou passar em teu blog e conhecer.
Um beijo.