domingo, 14 de novembro de 2010

um canto .

                                                                                Internet

Voar alto
viver em um salto
amar molhado
cheirando a chuva
em um quase extase
de delícias e doces..

 .vida.

mesa cheia de odores
projetando sabores
nunca esquecidos
de pele
de toques
de muitos
e tantos..

.amores.

Ing

13 comentários:

AC disse...

Ingrid,
Gostei da sua definição de vida, em poema muito belo.

Beijo :)

Ingrid disse...

Obrigada pela visita... a vida é deliciosa!
rsrsrs ... beijo.

LuCordeiro: disse...

Sabe,Ing,depois de tantos casos e um casamento de 20 anos,percebi que só amei,mesmo,de paixão,uma pessoa.E foi a última.E seus poemas me fazem relembrar como era terrível e maravilhoso estar apaixonada...ainda posso sentir o cheiro e o sabor.E dói.
bjs,menina.

Assis Freitas disse...

um canto alto, altíssima canção



beijo

Ingrid disse...

É isso aí Lu querida!
e assim caminhamos ..
beijocas

Ingrid disse...

Obrigada Assis.
Um bom feriado.
Beijo.

Cristiane disse...

Tem amores que jamais serão esquecidos...seus cheiros, odores, toques...é a vida!Bjks

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

cheiros e odores sempre foram bons companheiros de voos carnais

Saozita disse...

Olá Ingrid, lindo poema! Gostei da tua definição de vida.

Tenha uma boa semana.

Bjs

Sãozita

Ingrid disse...

Bejo Cris....

Ingrid disse...

E que voos Ediney..
beijos.

Nilson Barcelli disse...

O amor faz-nos voar na vida... sem ele, caímos...
Belo poema, querida amiga. Gostei imenso das suas palavras.
Beijos.

Ingrid disse...

Nilson querido.
Prazer ter-te por aqui..
beijos..